“Vamos usar nossa voz para todos aqueles não podemos ouvir”, desabafa Ricky Martin sobre homofobia

Foto: Reprodução / Instagram

Em recente entrevista à revista Elle, Ricky Martin falou um pouco sobre a sua vivência e sobre como pode ser difícil a vida nos Estados Unidos com o marido, Jwan Yosef, e os filhos, Lucia, de 1 ano de idade, Renn, de 1 ano, Valentino e Matteo, de 11 anos.

“Eu, hispânico, gay, casado com um árabe, morando nos Estados Unidos na era Trump. Não é fácil. Não é. Mas não sou uma vítima. Pelo contrário. Vamos usar nossa voz para todos aqueles não podemos ouvir. Não podemos continuar brincando com termos ofensivos porque sempre foi assim, porque ‘ele é meu amigo e ele não se importa’. Temos que parar com isso. Eu não posso mudar o mundo, embora eu possa mudar para mim e para a minha família. Aceitar que com a minha palavra já machuquei sem saber. Agora quero ajudar”, disse ele.

“Eu não posso mudar o mundo, embora eu possa mudar para mim e para a minha família. Aceitar que com a minha palavra já machuquei sem saber. Agora quero ajudar “, afirmou o cantor, que recentemente lançou o clipe de sua nova música, “Antes Que el Mundo Se Acabe“. Na produção, para alegria dos fãs, o cantor dá um beijão no marido.

Confira

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!