Chef mata, corta em pedaços e cozinha namorada transexual antes de se matar

Triste e desumano! Um cozinheiro australiano matou, cortou em pedaços e cozinhou partes de sua namorada, uma prostituta transexual indonésia. O caso foi descoberto quando a polícia foi chamada para verificar um cheiro ruim denunciado por vizinhos. Os agentes relatam que ficaram chocados ao encontrar pedaços de Mayang Prasetyo cozinhando numa panela sobre o fogão.

Ao ser encontrado, Marcus Volke, de 28 anos, fugiu e se escondeu num contêiner de lixo, onde foi achado morto. Ele teria cortado o próprio pescoço com uma faca. O motivo do assassinato não está claro, visto que vizinhos disseram que o casal era completamente normal e levando em conta a página do Facebook da Marcus, que demonstrava ser contra a violência contra mulheres e animais. O casal se conheceu enquanto o rapaz trabalhava como chef em um navio de cruzeiro.

australia1

O Pheeno.com.br é um portal de notícias, estilo de vida e entretenimento LGBT do Rio de Janeiro, antenado também em tudo que acontece de importante para o segmento no Brasil e no mundo!