Após especulações, Agnaldo Timóteo confirma romances com homens em documentário

Homenageado do documentário “Eu, Pecador”, que será exibido na Mostra de Cinema de São Paulo nos dias 27, 28 e 29 de outubro e 1º de novembro, o cantor Agnaldo Timóteo revelou assumiu ter vivido relacionamentos com homens.

“Inicialmente, ele não queria falar sobre. Mas o convenci. Agnaldo é mais do que isso. Expliquei que falar sobre o assunto jamais seria algo prejudicial. E ele se abriu, contando até para qual pessoa determinadas músicas foram feitas”, conta o diretor Nelson Hoineff ao R7. Jogar luz sobre o tema rendeu, inclusive, uma pequena dor de cabeça ao diretor, levando em conta que o filme revelou um relacionamento entre Agnaldo e seu ex-chefe de gabinete, que hoje está casado e tem filhos.

Além de título do filme, “Eu, pecador” é título de uma música lançada por Agnaldo em 1977. A composição, assinada pelo cantor, indica um sentimento de culpa por conta de sua orientação sexual. O filme conta a história de Agnaldo como cantor e, depois, sua carreira na política. As filmagens aconteceram em 2016, durante a campanha de Timóteo para o cargo de vereador do Rio de Janeiro.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!