Manifestantes LGBT protestam contra vereador que ameaçou prender Pabllo Vittar

Foi cantando o hit “K.O.”, um dos principais sucessos de Pabllo Vittar, dentro da Câmara de Vereadores em Ponta Grossa (PR) que manifestantes LGBTs protestaram contra o pastor vereador Ezequiel Bueno.

Após a drag queen ser confirmada como atração de uma tradicional festa local, Ezequiel afirmou que a cidade não é lugar “para esse tipo de gente”, se referindo ao possível show da cantora, a quem chegou a ameaçar de prisão. Polêmicas, as declarações ganharam destaque nacional. Mesmo assim, o pastor não se arrepende do que disse.

“Não vejo em momento algum que eu ofendi o cantor, de maneira nenhuma! Eu simplesmente, a todo momento, falando situações de escola. Eu não admito ninguém indo falar de ideologia e sexologia para as nossas crianças”, disse o pastor em entrevista ao “SBT”.

Conria

Lugar de pastor é na igreja! from Josê Fagundes on Vimeo.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!