Lucinha Araújo anuncia que Sociedade Viva Cazuza fechará suas portas após 30 anos: “Já cumpri minha missão”

Lucinha Araújo, mãe do cantor e compositor Cazuza, anunciou em entrevista à coluna de Ancelmo Gois publicada neste domingo (11) no jornal O Globo, que vai fechar a Sociedade Viva Cazuza até dezembro deste ano.

“Tenho 30 anos de dedicação à sociedade e estou com 84 anos. Acho que já cumpri minha missão”, revelou Lucinha, que abriu a fundação em 1990. Localizado em Laranjeiras, na zona sul do Rio, o espaço promove assistência à saúde, educação e lazer a crianças e adolescentes portadoras de Aids/HIV, já atendeu 328 pessoas. Segundo informações do Diário do Rio, por mês, atualmente, são cerca de 15 pacientes.

“Eu continuarei fazendo esse trabalho. Não quero mais a responsabilidade toda que eu tinha. Estou muito velhinha”, afirma Lucinha.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!