Assumidamente gay, prefeito de Itapecerica é vacinado e comemora ao som de ‘I Will Survive’; assista

O prefeito de Itapecirica, no Centro-Oeste do Estado, Wirley Reis (Podemos), mais conhecido como Têko, publicou um vídeo nas redes sociais nesta quarta-feira (28/07) tomando a primeira dose da vacina contra a covid-19. Para celebrar a vacinação, Wirley decidiu ir vestindo uma roupa com as cores do arco-íris e ao som da música “I Will Survive“, da artista Gloria Gaynor.

Na mensagem que acompanha a publicação, Têko disse estar feliz em poder se vacinar. “Dia muito feliz! Vacinado! E já comecei a ter reações: sentimentos de alegria e de esperança em dias melhores”, escreveu o primeiro prefeito declarado gay a administrar o município de pouco mais de 21 mil habitantes. “Quando chegar a sua vez, compareça. E também não deixe de tomar a segunda dose. A vacina salva vidas! Vacina sim! Viva o SUS“, completou ele.

Ao G1, Têko explicou que a escolha da música foi justamente pela representatividade que ela possui na comunidade LGBTQIA+. “Eu nunca escondi isso de ninguém. Eu fui eleito prefeito de Itapecerica, sou gay assumido e tenho muito orgulho de ser quem sou e fazer o trabalho aqui em Itapecerica, onde trabalho administrando com muito amor. A música representa essa parcela da sociedade que é tão discriminada e ela vem para aliviar as dores desse momento tão difícil de pandemia e nos alegrar, é um hino de alegria“, disse.

Ficar esperando uma vacina no interior, há tanto tempo, com tantos desmandos, a falta de adquirir mais vacinas para o povo brasileiro e no interior também é algo muito complexo. As vacinas chegaram à conta gotas e agora que estão chegando em mais quantidades. Então, eu fiquei muito feliz e para mim foi motivo de muita alegria e eu mostrei sim no vídeo a minha positividade, a minha alegria dançando e com aquela camisa também representando as cores do arco-íris, a diversidade na política de Minas Gerais que eu represento“, concluiu Têko.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!