Eddie Redmayne se arrepende de viver mulher trans em ‘Garota Dinamarquesa’: “Foi um erro”

O ator Eddie Redmayne disse ter se arrependido de interpretar uma mulher trans no filme “Garota Dinamarquesa“, de 2015. Em entrevista à publicação britânica “Sunday Times”, ele afirmou que sua decisão de viver a pioneira trans Lili Elbe no drama foi um “erro”.

Ao ser questionado sobre a possibilidade de viver novamente a protagonista do filme, Redmayne disse: “Não, não aceitaria agora. Fiz aquele filme com as melhores intenções, mas acho que foi um erro“. Segundo o ator, a comunidade trans deveria ter sido ouvida na hora de opinar sobre quem deveria interpretar o papel. “A maior discussão sobre as frustrações em torno do elenco é porque muitas pessoas não têm uma cadeira à mesa. Tem que haver um nivelamento, senão vamos continuar tendo esses debates“, completou.

Dirigido por Tom Hoopper, o filme contou a história de Lili Elbe, conhecida como uma das primeiras pessoas trans a realizar uma cirurgia de redesignação sexual. No longa-metragem, acompanhamos o processo de descoberta e aceitação da protagonista, assim como os efeitos do procedimento arriscado.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!