Escola primária pede que alunos e professores usem saias para promover igualdade de gênero

Uma escola primária em Edimburgo, Escócia, celebrou nesta quinta (04/11) “Wear a skirt to school day” (Use uma saia para ir à escola, em português) e pediu para que alunos e professores participassem da ação. O intuito, segundo a instituição de ensino, era convocar estudantes a promover igualdade e ensinar que peças de roupa não têm gênero.

A escola, que leciona para alunos a partir dos três anos de idade, enviou um e-mail aos pais e responsáveis explicando o motivo pelo qual estava fazendo a ação. “Queremos que nossa escola seja inclusiva e promova igualdade“, escreve a instituição. “Estamos ansiosos para espalhar a mensagem de que roupas não têm gênero e que todos nós devemos nos expressar como decidirmos”, afirmaram os professores. O uso de saias não era obrigatório.

Iniciada no último ano, em 4 de novembro, na Espanha, a data surgiu como protesto e em homenagem a um garoto que foi obrigado a ir ao psicólogo após vestir uma saia para ir às aulas. O garoto também foi expulso. Na época, professores e alunos de diversos locais do país apareceram usando saias nas salas de aula.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!