Wolf Maya rebate Alexandre Frota após ser acusado de assédio sexual: “Não precisei comê-lo”

Ex-diretor da Globo, Wolf Maya se pronunciou pela primeira vez, por meio de um comentário deixado em post no Instagram, sobre a acusação de assédio feita por Alexandre Frota. O ex-deputado federal e ator afirmou em entrevista ao podcast “Não É Nada Pessoal“, apresentado por Gabriel Perline e Arthur Pires, que Wolf teria o encurralado de roupão em quarto de hotel e pedido para que ele tirasse a calça.

No passado, o Alexandre Frota fez comigo os melhores trabalhos como ator e não precisei comê-lo para isso. Fomos amigos. No presente, ele se tornou essa pessoa deplorável e perdeu todos os amigos. Inclusive os novos de Brasília”, disparou o diretor, em comentário deixado no Instagram do Hugo Gloss.

Frota afirma que o episódio aconteceu em Poços de Caldas (MG), durante as gravações de “Livre Para Voar“, novela exibida em 1985 na TV Globo.O Wolf correu atrás de mim em Poços de Caldas. Estava fazendo novela lá. Ele me chamou no quarto e veio com aquele papo: ‘Tira a calça aí, caramba’. E eu meio que corri por dentro do quarto e falei: ‘P*orra, Wolf, tá louco?’ E peguei e saí do quarto. Ele estava de roupão. Vai ficar p*to com isso. Foi só dessa vez e depois ficamos amigos”, contou ele, aos risos.

Segundo Frota, depois desse episódio, eles se aproximaram, mas o diretor nunca mais tocou no assunto. “Depois disso fiz outros trabalhos com eles, fiz [a peça] ‘Blue Jeans’, e ele nunca tocou no assunto comigo, tipo: ‘Pô, tu lembra lá quando a gente estava fazendo a novela’“, finalizou.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Felipe Sousa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Você vai curtir!