Brasília se ilumina de rosa, azul e branco no Dia Nacional da Visibilidade Trans

BRASÍLIA – Em uma ação inédita, as sedes dos Três Poderes, em Brasília, foram completamente iluminadas na noite de ontem, segunda-feira (29) com as cores da bandeira trans. A ação é uma homenagem ao Dia Nacional da Visibilidade Trans e foi proposta pela deputada federal Erika Hilton (PSOL-SP) em parceria com Duda Salabert (PDT-MG). Os ministérios das Relações Exteriores e da Justiça e Segurança Pública, além do STF, Planalto e Congresso Nacional, também foram iluminadas com as cores das comunidades transgêneros e travestis.

O Dia Nacional da Visibilidade trans é celebrado em 29 de janeiro desde 2004, quando ativistas transgêneros lançaram a campanha “Travesti e Respeito” no Congresso Nacional. O ato ocorreu em parceria com o Ministério da Saúde, que, na época, buscava promover o cuidado contra infecções sexualmente transmissíveis (ISTs). Todos os anos, desde então, atos pacíficos saem às ruas por direitos, visibilidade, oportunidades e igualdades das pessoas trans.

Este ano, a data foi marcada pela primeira Marsha Trans Brasil. A mobilização aconteceu na Esplanada dos Ministérios em homenagem aos 20 anos do Dia da Visibilidade Trans no Brasil. O evento foi organizado pela Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra) e teve como madrinhas Erika Hilton (PSOL-SP) e Duda Salabert (PDT-MG), primeiras deputadas federais trans do Brasil. A Antra explica que a palavra “marsha”, grafada desta forma, é em homenagem à referência trans global Marsha P. Johnson, que lutou pelos direitos da comunidade LGBTIAP+ em 1969.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Bee 40tona

Você vai curtir!