Jovem lésbica conhece namorada em app, muda de estado e acaba em cárcere privado no DF

Uma jovem de 22 anos, que estava em cárcere privado, foi resgatada pela Polícia civil do Distrito Federal, nesta segunda-feira (27/05). Ela saiu de Curitiba (PR), onde morava com os pais, com destino a Brasília, para viver com a companheira, de 41 anos. A história, no entanto, virou caso de polícia depois que a mãe da jovem recebeu uma mensagem da filha com um pedido de socorro, na última quarta-feira (22/05).

No recado, a filha contou que foi impedida de usar o telefone, manter contato com a família e até de sair de casa desacompanhada da casa da namorada, que ela conheceu em um aplicativo. A mãe procurou a Polícia Civil do Paraná e deu início a uma investigação que acabou com a prisão da suspeita, que tinha histórico de violência doméstica e já chegou a ser presa por descumprir medida protetiva.

Segundo depoimento, a vítima tentou terminar o relacionamento no começo deste mês, mas foi ameaçada e agredida pela mulher. A jovem contou que era obrigada a trabalhar na fábrica de tijolos que funciona na casa da mulher e que só recebia abrigo e comida em troca do trabalho. Além disso, a vítima relatou que o chip do seu telefone havia sido retirado e inserido no celular da autora, que a monitorava e a impedia de contatar seus familiares. 

A suspeita foi presa em flagrante pelo crime de cárcere privado, combinado com a Lei Maria da Penha, e prestou apoio à vítima para que pudesse retirar seus pertences, sair da residência e retornar para Curitiba. As identidades da suspeita e da vítima não foram divulgadas. 

VEJA + NO PHEENO TV

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Felipe Sousa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Você vai curtir!