Universidade Federal do Rio oferece atendimento psiquiátrico gratuito para pessoas trans

Iná Cholodoski, mulher trans e Doutoranda em sociologia pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IESP-UERJ), ressaltou em um tweet recente uma oportunidade crucial para a comunidade trans na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Todas as quartas-feiras à tarde, o núcleo TRAVESSIAS oferece atendimento psiquiátrico gratuito no Instituto de Psiquiatria (IPUB), localizado no campus da Praia Vermelha, Zona Sul carioca.

De acordo com Cholodoski, que também atua como consultora de diversidade e inclusão, basta enviar um e-mail para [email protected] para receber mais informações. A iniciativa inclui uma resposta automática que detalha os serviços disponíveis e como os interessados podem se beneficiar. O serviço visa proporcionar um suporte essencial de saúde mental, preenchendo uma lacuna significativa para aqueles que muitas vezes enfrentam barreiras no acesso a cuidados médicos especializados.

Além dos serviços de atendimento psiquiátrico, está programado para o dia 31 de julho um debate focado no acolhimento de mulheres trans e travestis em espaços de saúde. Destinado especialmente a profissionais da área de atenção primária e assistência social, o evento busca promover práticas mais inclusivas e sensíveis às necessidades específicas dessa comunidade. Fica a dica!

Felipe Sousa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Você vai curtir!