Travesti é aprovada em 1º lugar em vestibular de universidade federal

20160120141420_31407420

A travesti Amanda Palha, de 28 anos, foi aprovada em primeiro lugar pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) no curso de Serviço Social da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco). A notícia foi comemorada no Facebook da jovem, na última segunda-feira (16/01).

Em entrevista ao site “HuffPost Brasil”, Amanda conta que concluiu o ensino médio sem a ambição de continuar com os estudos, mas acabou mudando de ideia com o passar do tempo. Ao conseguir um emprego na área de serviço social em São Paulo e ajudar pessoas em situação de rua, percebeu que era naquilo que gostaria de seguir.

“Foi a primeira vez que uma carreira que me fez falar, ‘nossa, para isso eu estudaria. Me daria tesão para fazer uma faculdade’. Isso foi fundamental”, explica. Ainda na entrevista, Amanda afirma que o fato de ter conseguido 1º lugar não é uma vitória, exatamente. É só mais um ponto ao seu favor, o start de um longo trajeto.

“Sou bastante crítica a respeito disso. O que faz diferença é o que a gente faz dentro espaço. Por isso que eu não acho que é uma vitória ainda, é um começo. A partir daí, começa a batalha de verdade nesse espaço. E, talvez, as outras vitórias venham. Por enquanto, é um começo de trajeto”, concluiu. Parabéns, Amanda! Arrasou! 😀

Confira a publicação…

Aprovada! <3(e em 1º lugar o.O )

Publicado por Amanda Palha em Segunda, 18 de janeiro de 2016

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!