Ronaldo Ésper afirma ter deixado de ser gay por causa da Igreja Universal

Sempre polêmico, o estilista Ronaldo Ésper voltou a ser assunto! Em entrevista a Daniela Albuquerque Albuquerque para o programa “Sensacional”, da Rede TV, ele fez questão de contar detalhes da sua vida, nunca antes tratados em público.

Na conversa, o estilista revela que teve uma vida sexual muito movimentada, sendo namorado, inclusive, de um ministro na época da ditadura. Ronaldo não quis revelar o nome do rapaz, mas disse que foi um dos cinco que não era militar. Além disso, o estilista confessou que hoje não é mais homossexual.

Atualmente, Ronaldo se intitula como “ex-gay”, e garante que deixou de ser a partir do momento que entrou para a Igreja Universal, comandada pelo bispo Edir Macedo. Atendendo a um pedido da apresentadora, dirigiu carinhosa uma mensagem a Ana Hickmann, sua companheira no “Hoje em Dia”, porque os dois, nesses quase dois anos de convivência no programa, nunca trocaram um cumprimento.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!