Ator pornô gay brasileiro revela que colegas fazem cirurgia para aumentar pênis

Conhecido por fazer filmes homoeróticos internacionais e nacionais, o ator brasileiro Rico Marlon revelou que alguns colegas de profissão recorrem a cirurgia para aumentar pênis.

“No mundo dos filmes, quem já tem grande não se preocupa muito, mas tem aqueles que querem aumentar a todo custo. No entanto, a cirurgia faz crescer no máximo cinco centímetros o pênis, é muito cara e a recuperação é demorada”, declara o ator, que assegura nunca ter feito o procedimento.

Segundo Rico, mesmo não sendo uma exigência da industria pornô, muitos atores buscam este artificio, já que ter pênis grande chama mais atenção do público. “Ter um pênis grande não é uma exigência, mas podemos dizer que tudo que é grande quando se trata do órgão sexual masculino vende e chama atenção. Até mesmo quem não trabalha com sexo tem suas fantasias eróticas com isso”, afirma o bonitão.

“Tamanho não é tudo nem tampouco o principal e, sim, realização sexual. Às vezes a pessoa pode estar em cima de um palco com milhões de fãs à frente dela, carro na garagem, casa própria e muito dinheiro no banco, mas na cama, sexualmente falando, ela está pobre e infeliz, pois não tem vida sexualmente ativa, e quando tem não chega ao orgasmo e nem goza com vontade”, continua.

“Em busca de prazer e dessa realização até mesmo artistas famosos mandam seus agentes e produtores entrarem em contato com modelos internacionais, atores pornôs e garotos de programa pra realizar seus desejos e fantasias entre quatro paredes. Tudo fiscalizado pra nao ter flagras e notícias que possam estragar o mundinho de gelo que muitos vivem, mas que algum dia derrete”, finaliza Rico.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!