‘Bixa Travesty’, documentário sobre Linn da Quebrada, ganha data de estreia no Brasil

Premiado no Festival de Berlim, onde venceu o prêmio Teddy, dedicado a obras com temática LGBTQ+, o longa “Bixa Travesty”, documentário sobre Linn da Quebrada, acaba de ganhar uma data oficial para sua estreia no Brasil: 21 de novembro! A novidade foi anunciada nesta terça-feira (01/10).

O longa, de Claudia Priscilla e Kiko Goifman, revela a intimidade e os pensamento da artista transexual que sacudiu o funk com letras gráficas que celebram o corpo enquanto dispositivo político. Na maior parte do tempo, a cantora fala diretamente para a lente, como numa performance solo, ou em entrevistas e conversas com a amiga (também rapper) Jup do Bairro.

Mesmo premiado e sendo exibido em mais de 25 cidades da França, o longa enfrentou dificuldades perante a sua estreia em solo brasileiro. O motivo, segundo Goifman, seria a censura em meio à “guerra cultural” impulsionada pelo presidente Jair Bolsonaro, um fenômeno que afeta principalmente as produções com temática LGBTQ+.

Trailer

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!