Morre aos 84 anos o dramaturgo e ativista contra AIDS Larry Kramer

Aos 84 anos, morre Larry Kramer, um dos pioneiros na luta pelos direitos LGBTQI+ e ativista no combate ao HIV/AIDS.

De acordo com o ‘New York Times’, Larry foi encontrado morto na manhã desta quarta-feira, dia 27/05, em seu apartamento em Manhattan (Nova Iorque/EUA). Segundo seu marido, David Webster, a causa da morte foi pneumonia.

Além de receber elogios por seu trabalho como autor, incluindo a peça autobiográfica de 1985 ‘The Normal Heart’, Kramer passou boa parte de sua vida fazendo campanha pela igualdade e conscientização em torno da epidemia de AIDS.

Em 1982, ele fundou a ‘Gay Men’s Health Crisis’ para ajudar as pessoas que vivem com HIV e, em 1987, ajudou a lançar o ‘ACT UP’, um grupo que buscava chamar a atenção para a AIDS e exigir pesquisas mais rápidas para tratamento.

Arquiteto, DJ, VJ, Produtor de Eventos e redator colaborador de conteúdos sobre diversidade LGBTI+ do portal Pheeno.com.br! #MandaAssunto