Lésbicas fazem selfie se beijando no vôo em que estava político antigay da Rússia

Um beijo pode significar muita coisa, não é mesmo?! Desde uma simples demonstração de afeto, até como forma de protesto. Essa semana, na Rússia, um beijo deu início a um viral na web. Um casal de lésbicas aproveitou o fato de estar viajando no mesmo avião que Vitaly Milonov, arquiteto de leis anti-gay da Rússica, e tiraram uma selfie se beijando, com ele ao fundo.

As duas aproveitaram o momento que Vitaly dormia, e resolveram fazer o registro. A foto foi publicada no Instagram na conta de Kseniya Infinity. “Quem é esse ao fundo? Milonov! E nós não damos a mínima! Estamos voando para a nossa boate preferida, Infinity”, escreveu Kseniya na legenda da foto. Depois do protesto, a moça carregou mais fotos para a rede social russa “VKontakte”, contando o que tinha acontecido no avião. “Ele escondeu o rosto atrás do tablet quando percebeu o que estava acontecendo. Nós estamos muito felizes! Ele provavelmente não tanto. Mas quem se importa?!”, contou a ativista.

Diante da polêmica, o deputado se manifestou em entrevista a agência de notícia “Flashnord”. Ele se referiu às mulheres como “idiotas” e “loucas” e disse que sente muito pelos pais que as educaram. Vitaly Milonov é um dos autores da lei que proíbe a “propaganda gay”, ou qualquer divulgação de informações sobre “orientação sexual não-tradicional” para menores de 18 anos, assinada em 2013 pelo presidente Vladimir Putin. O deputado também é responsável pelo processo contra Lady Gaga e Madonna, acusando as duas de promoverem os direitos dos homossexuais em seus shows realizados na Rússia.

Confira a foto…

beijo-lésbicas-pheeno-capa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!