Brad Pitt e Leonardo DiCaprio recusaram papéis em “O Segredo de Brokeback Mountain”

Os astros Brad Pitt e Leonardo DiCaprio quase estrelaram o drama “O Segredo de Brokeback Mountain”. Quase, porque o cineasta Gus Van Sant (Gênio Indomável) — que na época foi cotado para dirigir o longa — revelou à IndieWire que os atores recusaram os papéis de protagonistas da produção, que mais tarde ficariam com Jake Gyllenhaal e Heath Ledger.

Pitt e DiCaprio, no entanto, não foram os únicos grandes nomes de Hollywood a recusar a proposta. O diretor assumiu que entrou em contato com outros atores consagrados, mas a resposta negativa foi unânime: “Ninguém queria fazer [o filme]. Eu estava trabalhando nele e senti que realmente precisávamos de um elenco forte, tipo famoso, mas não estava funcionando. Perguntei para os suspeitos mais comuns: Leonardo DiCaprio, Brad Pitt, Matt Damon, Ryan Phillippe. Todos eles disseram ‘não.'”, disse Van Sant.

Dirigido por Ang Lee (As Aventuras de Pi), O Segredo de Brokeback Mountain ganhou três Oscars e quatro Globos de Ouro em 2006. A trama sobre o relacionamento amoroso entre dois cowboys se tornou um dos filmes LGBTQ de maior sucesso financeiro e de crítica dos últimos tempos, arrecadando US$ 178 milhões em todo o mundo. Pitt e DiCaprio, por sua vez, vão coestrelar Once Upon a Time in Hollywood, novo trabalho de Quentin Tarantino, que estreia em 15 de agosto.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!