Atriz Lashana Lynch será a primeira mulher negra e lésbica a interpretar 007 nos cinemas

Lésbica assumida, a atriz Lashana Lynch, que dará vida à agente Nomi, em “007: Sem Tempo Para Morrer“, confirmou que assumirá o cargo de 007 no próximo filme da franquia. Esta é a primeira vez, em 58 anos e 25 filmes, que 007 será representado por uma mulher negra e lésbica nos cinemas.

Me sinto muito grata por poder desafiar essas narrativas. Estamos nos afastando da masculinidade tóxica e isso acontece porque as mulheres se tornaram mais abertas e estão exigindo, falando sobre o assunto, chamando a atenção para comportamentos ruins assim que nós os encontramos”, declarou a atriz em entrevista à revista Harper’s Bazaar. “Eu não quis perder a oportunidade quando vi o que ela [Nomi] poderia representar. Fui atrás dos momentos no roteiro em que o público negro balançaria a cabeça, lamentando a realidade, mas vendo suas vidas representadas“, disse.

Sobre o racismo nas redes sociais, ela afirma: “Eu sou uma mulher negra – se fosse outra mulher negra escalada para o papel, teria sido a mesma repercussão. Ela teria os mesmos ataques, o mesmo abuso…”, disse ela. “Só preciso me lembrar que este debate finalmente está acontecendo e que faço parte de algo que será muito, muito revolucionário.”

Sem Tempo Para Morrer” foi adiado duas vezes por conta da pandemia. Dirigido por Cary Fukunaga, a produção estreia em abril de 2021.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!