“Não está aberta a debate”, diz Jão ao ser questionado sobre sua sexualidade

Capa da revista Quem de novembro, o cantor Jão, de 26 anos, falou abertamente sobre sua vida, sua carreira e até sobre sua sexualidade. Para a publicação, o artista afirmou que sua sexualidade não deve ser discutida.

Se você ouve minhas músicas, vai nos meus shows, minha vida está exposta ali. Isso nunca foi uma questão. Nunca senti uma necessidade de restringir o gênero da pessoa com qual eu fosse me relacionar ou escolher um nome para isso. Se a pessoa gosta de animais e é gente boa, para mim está valendo. Minha sexualidade não está aberta a debate nesse sentido, de ‘ser isso ou aquilo’”, afirmou o cantor. “Sempre tive um comprometimento muito grande em ser cru e verdadeiro. É óbvio que não é tudo o que acontece na minha vida que está na minha música, mas sou eu ali. Isso permitiu que as pessoas se aproximassem de mim e elas sabem que eu levo minha carreira muito a sério, que eu me entrego para fazer os clipes, as músicas, os shows“, continuou.

Questionado também como a sua família reagiu sobre sua sexualidade, o cantor diz que tudo ocorreu bem e que ele teve a sorte do apoio de sua família. De acordo com o artista, os três princípios de sua família são “estudar, não roubar bala do tiozinho da esquina e ser honesto”. “Eu tento ser, de certa forma, uma voz. Mas também é difícil, porque nunca me imaginei ser a pessoa que dá suporte pra alguém. Também estou vivendo a minha vida, entendendo minha cabeça, quem eu sou, descobrindo tudo sobre mim. Sou um cara novo, ainda é um processo. Recebo mensagens de muita gente que foi expulsa de casa, que sofre agressão“, completa.

VEJA + PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!