Ator pornô gay Billy Santoro admite que fingiu suicídio para evitar críticas por suas declarações racistas

O problemático ator pornô gay Billy Santoro continua causando polêmicas. Poucos dias depois de ser despejado de seu apartamento em Sydney, na Austrália, Santoro recorreu às redes sociais para fazer uma confissão que alguns seguidores já suspeitavam: sua suposta tentativa de suicídio não passou de uma farsa.

Santoro e seu marido, Gage, divulgaram a notícia da suposta tentativa de suicídio compartilhando fotos de Santoro em uma cama de hospital no dia 2 de junho no Twitter, junto com um apelo desesperado. “Na noite passada, o homem que eu tanto amo tentou suicídio por conta do ódio que recebeu. Peço que parem”, escreveu Gage. “Pare o que você está fazendo. Ele se desculpou por isso em todas as plataformas. Mesmo assim, o ataque continua. Fique seguro e ame-se. Envie amor, por favor. #PrayForBilly”, concluiu.

O ataque online teria começado após Santoro criticar os protestos anti-racistas após a morte de George Floyd, nos EUA. “Rindo muito, América! Você deixou seus negros saquearem você como forma de protesto. Acorde! Atire primeiro”, escreveu o ele em seu Twitter. Além de ter o seu perfil na rede social derrubado, a plataforma JustForFans, onde ele vende pornô online, retirou o perfil do ator do ar. Após a polêmica, Santoro se desculpou publicamente e culpou o vício em metanfetamina por suas falas racistas.

Agora Billy Santoro admitiu outro erro: fingiu sua tentativa de suicídio para dar uma acalmada nos haters. O ator esclareceu tudo neste fim de semana, após um usuário do Twitter mencionar a suposta tentativa. Por conta da nova declaração, a tentativa de apaziguar os ânimos online não deu muito certo e Santoro foi novamente inundado de críticas. E tem como defender?

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!