Jovem expõe vídeo de pai agredindo a irmã de nove anos após ela dizer que estava “gostando de uma amiga”

O fotógrafo Igor do Valle, de 23 anos, usou o Twitter para expor um vídeo do próprio pai agredindo sua irmã, de apenas 9 anos, na casa onde moram no bairro de Bangu, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Segundo Igor, que é gay assumido, a agressão ocorreu após a menina afirmar que estava “gostando de uma amiga”.

Na gravação é possível ver o irmão mais velho ouvindo os gritos da menina e entrando em um quarto com o celular. “Mais uma. Vai tomar“, diz o pai para a menina, que aparece encurralada em um canto do quarto enquanto chora e grita. Em determinado momento, o agressor diz ao filho que “Se filmar, é pior“. A mãe da menina e do fotógrafo intervém tentando impedir a continuidade da gravação. “Já parou de filmar?“, diz a mulher, que interrompe a gravação colocando a mão na lente da câmera.

Bom, esses são meus pais, espancando minha irmã só porque ela disse que estava ‘gostando da amiga’. Eu passei por isso pelo fato de ser gay, apanhei muito desse cara (pai), até arma na minha cara ele colocou. E agora ver minha irmã passar por isso eu não aceito, ele bate na minha mãe“, escreveu Igor na legenda do vídeo. “Nos ameaça falando que se denunciar ele, ele vai matar a gente. Eu não sei o que fazer, só quero paz e a liberdade da minha irmã ser quem ela quiser, não vou mais me calar diante desse psicopata”, continuou.

No Instagram, o fotógrafo publicou stories explicando que teve que sair de casa para se proteger e agora está na casa de uma amiga. Ao site Universa, Igor disse que foi até o 34º DP (Delegacia de Polícia) de Bangu para abrir um boletim de ocorrência para “tomar as devidas providências” em relação às agressões dos pais contra a menina, porém, não conseguiu registrar o boletim pois teriam dito que era necessário ir até o Conselho Tutelar porque a menina é uma criança. “Registrei tudo e pediram para fazer a ocorrência pelo site. Eu já fiz e já está tudo meio caminho andado. (…) Eu espero que o Conselho Tutelar tome uma atitude. Estou expondo tudo na internet mesmo porque estou com medo. Caso aconteça alguma coisa, eu tenho provas e está tudo registrado“, finalizou.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!