Jovem é atropelado por carro enquanto caminhava pela calçada no Paraná; vítima acredita em homofobia

Um jovem gay foi atropelado por um carro enquanto caminhava pela calçada, em Cambé, no norte do Paraná. O caso aconteceu na madrugada de sábado (09/01) e foi registrado por uma câmera de segurança.

Ao G1, a Polícia Militar (PM) disse que, pelas imagens, o atropelamento pode ter sido proposital. No vídeo, a vítima aparece sendo atingido pelas costas. Na sequência, ele consegue se levantar e correr. “Só lembro do meu corpo formigando depois do impacto. A única força que tive usei para pedir ajuda”, contou o rapaz, que tem 19 anos e pediu para não ser identificado por medo. “O atropelamento pode ter sido um ato homofóbico? Acredito que pode ser sim“, acrescentou.

A Polícia Militar (PM) havia informado que a vítima era travesti, no entanto o jovem informou que é homossexual, e não travesti.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, na mesma noite uma testemunha contou aos policiais que anotou a placa do veículo e seguiu até onde ele parou. Essa pessoa passou o endereço à Polícia Militar, uma equipe foi até a casa do suspeito, mas só encontrou o carro, ele havia fugido.

De acordo com o G1, o jovem prestou depoimento à Polícia Civil e soube na delegacia que o suspeito do atropelamento foi identificado e localizado. À vítima, os policiais disseram que o suspeito deve prestar depoimento acompanhado de um advogado. “Não o conheço, nunca ouvi falar dele, não sei o motivo para ele ter feito isso”, finalizou.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!