Destaque na peça “Jesus Travesti”, brasileira é selecionada para bolsa internacional por projeto sobre corpos trans

A atriz brasileira Renata Carvalho, de 40 anos, que ganhou destaque nacional por interpretar Jesus travesti na peça de teatro “Jesus Travesti“, foi uma das selecionadas entre 20 concorrentes para uma bolsa de US$ 7 mil, convertida em cerca de R$ 36 mil por seu trabalho focado na questão do corpo transexual.

Em entrevista para o portal G1, Renata falou que a premiação lhe dará “um pouco de tranquilidade” neste ano, permitindo que ela não precise se preocupar com as despesas mais simples. “Ainda mais neste momento, onde é muito difícil atuar na arte e ser uma travesti no Brasil”, pontua a atriz. Expulsa de casa ainda jovem, Renata e se viu obrigada a entrar no mundo da prostituição para sobreviver. A artista conciliava o trabalho nas ruas com os serviços temporários em um salão de beleza, tudo para conseguir se manter no curso de teatro.

Meu corpo era feminino demais para os papéis masculinos. O corpo travesti sofre censura e é expulso de todos os lugares. Ter um trabalho dentro da arte, de permanência, é uma luta constante“, desabafa a atriz, que foi indicada à bolsa pela dançarina Lia Rodrigues, concorrendo com outras 20 propostas. Ela foi classificada entre as três finalistas. Além dela, foram premiados o escritor Shawon Akand, de Bangladesh, e a cineasta Sevinaz Evdike, da Síria.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!