Em Bangkok, 62 homens são presos durante batida policial em orgia gay regada a drogas

A polícia em Bangkok, na Tailândia, prendeu 62 homens em uma batida em uma orgia gay regada a drogas, violando as medidas restritivas ao coronavírus. As prisões tornaram a operação a maior da história do país durante a pandemia.

As prisões ocorreram no dia 23 de maio na Faros Sauna 2, uma casa de banhos no distrito de Wang Thong Lang, em Bangkok. A polícia relatou ter encontrado preservativos usados, agulhas e drogas no local que possui 50 quartos, uma piscina e uma sala de karaokê. “Nas atuais circunstâncias, não deveria haver tantas pessoas em uma área tão lotada“, disse Ekapop Tanprayoon, superintendente da delegacia de Wang Thong Lang do distrito de Bangkok, ao portal de notícias The Star.

Os 62 homens presos são acusados ​​de violar um decreto de distanciamento social instituído em março passado do 2020. Se condenados, podem pegar até dois anos de prisão e multa de até 40.000 baht. (cerca de R$ 6.600). Como muitas outras nações, a Tailândia tem lutado em meio à pandemia. O país relata mais de 132.000 casos de infecção, enquanto mais de 800 pessoas morreram da doença. 

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!