Robô sexual com pênis biônico e que pode ser programado como gay chegará em breve ao mercado

A RealDoll, empresa líder em robótica com inteligência artificial, revelou que está criando uma versão masculina da tecnologia com a possibilidade do consumidor programar a orientação sexual do robô.

Em um vídeo postado pelo representante da empresa Brick Dollbanger no Instagram, Matt McMullen, CEO da subdivisão RealDoll Realbotix, ele explica que o desenvolvimento do software de inteligência artifical do robô Henry foi bastante complicado, e que a companhia ainda precisa desenvolver um pênis biônico para ele. “Vamos trabalhar em algum tipo de inserção muito especial para Henry, para que ele seja capaz de, você sabe, levantar caminhões com seu pênis ou algo assim”, disse ele. McMullen acrescenta que eles também estão desenvolvendo um sistema de autoaquecimento e autolubrificação para robôs masculinos e femininos. Tá passada?!

Embora os robôs RealDoll tenham cabeças e rostos em movimento, que podem recriar expressões faciais humanas, McCullen disse que corpos totalmente animatrônicos levarão anos para virar realidade por uma questões de segurança. “A gente já começou a animar o corpo”, disse McMullen. “O problema é: quando o corpo puder ser animado e ser seguro o suficiente para ser colocado na cama de alguém? A força que um braço de robô tem é muito alta. Se alguma coisa ir um pouco além do esperado, ele pode arrancar sua cabeça”, explica.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!