Cantor entrou na música para faturar como Anitta e Ludmilla: “Me iludi e vendi minha casa inteira”

Conversamos com Ferreira Vra no estúdio do Pheeno! O cantor relata que veio fugido da família do Maranhão, pois eles não acreditavam no seu sonho! Hoje morador do Rio de Janeiro, ele conta que o primeiro homem que se apaixonou virou seu primeiro relacionamento abusivo, onde aconteciam agressões físicas e abuso psicológico, que o motivaram a escrever sua primeira música, “Incendeia”.

Ferreira confessa que entrou na música pensando que iria ganhar dinheiro como Anitta e Ludmilla, mas logo viu que não era bem assim: precisou vender coisas da casa para custear um clipe de 10 mil reais. Bissexual, ele fala sobre o estigma que sofre: “se você é bissexual acham que você quer pegar todo mundo”.

Confira

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!