Ariadna recorda transfobia em capa de jornal carioca após participação no “BBB11”; publicação pede desculpas

Nesta sexta-feira (21/01), a influenciadora e modelo Ariadna Arantes, de 37 anos, usou o Instagram para relembrar a sua participação no “Big Brother Brasil 11, exibido em 2011 pela TV Globo. Primeira mulher trans a participar do reality no Brasil, ela mostrou aos seguidores a capa do jornal Meia Hora, popular no Rio de Janeiro, com chamadas transfóbicas e de duplo sentido.

“Quando alguém falar: Ariadna foi eliminada porque escondeu que era trans… olha o que faziam comigo na época! Apenas uma das milhares de capas de jornais que eu era humilhada…”, desabafou Ariadna em seu perfil no Twitter, sobre a capa do jornal, em que trazia em sua manchete o tom pejorativo sobre a sua redesignação sexual: “Ariadna’s Coiffeur corta cabelo e pinto. Entrada pela porta da frente e pelos fundos”.Apenas uma capa de tantas outras que saíram, me humilhando, a mim e a meu ex-namorado na época, o Gabriel. Era ofendida, era humilhada, negada. Fui destratada por ser uma mulher que passou pela transição, por ser ex-BBB, periférica? Ninguém segurou minha mão e eu enfrentei tudo isso SOZINHA“, escreveu na legenda da publicação.

Tentei me preservar, me defender, por me sentir coagida. Minha vida até hoje resumida em 1 semana de participação“, continuou. “E que bom que estamos em 2022 e tudo está um pouco menos pior, eu acho né? E o que eu fiz pra ser eliminada? Apenas era eu“.

Após o desabafo, o Jornal Meia Hora se manifestou em seus perfis pedindo desculpas à Ariadna, informando que essa linha editorial não condiz mais com as diretrizes da empresa. “Pedimos perdão não apenas a Ariadna como a todas e todos agredidos por essa capa de 11 anos atrás. Não tem graça, assim como outras piadas infelizes que,no passado, eram corriqueiras, embora causassem sofrimento. Além de nos envergonhar, não reflete a nossa atual linha editorial”, declarou.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!