AFASTADA: Rede se pronuncia sobre funcionária homofóbica

Lembram da homofóbica do mercado que ameaçou uma garota lésbica de 14 anos e sua mãe foi tomar satisfações? Deu certo! A denúncia através das redes sociais levou a rede atacadista Assaí de pronunciar sobre o caso da funcionária. A nota dada à página Universo LGBTQIA+, a rede afirmou que a funcionária homofóbica que estava ameaçando a jovem foi afastada de suas funções.

Em nota, o atacadista Assaí afirmou que “em apuração interna preliminar, o episódio ocorrido na loja de São Paulo aparenta decorrer de desavenças pessoais entre as envolvidas e já foi levado às autoridades para apuração e providências.” Além disso, a empresa disse também que, em paralelo, abriu um processo de investigação interna para colaborar com as autoridades no esclarecimento do caso e que a colaboradora está afastada de suas funções.

Lembrando que a situação aconteceu dentro de um mercado da rede Assaí em Ermelino Matarazzo, na Zona Leste de São Paulo, na última segunda-feira, dia 1. Aos gritos e muito nervosa, uma mãe inicia uma sequência de acusações contra a atendente: “pessoal, essa mulher aqui é homofóbica, eu tenho uma filha de 14 anos que é lésbica, ela mandou mensagens ameaçando minha filha, que vai bater nela”.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Bee 40tona

Você vai curtir!