André Valadão gera revolta ao pregar contra a comunidade LGBTQIA+: “Deus odeia o Orgulho”

O pastor André Valadão, líder da Igreja Batista Lagoinha em Orlando (EUA), causou revoltada nas redes sociais ao atacar a comunidade LGBTQIA+ com uma postagem em que dizia que “Deus odeia o Orgulho“, fazendo alusão ao Mês do Orgulho, celebrado anualmente em junho. A palavra “orgulho” aparece pintada com as cores do arco-íris.

Em uma publicação no Instagram no estilo carrossel, feita no último domingo (04/06), onde divulgava o tema do culto que iria ministrar no mesmo dia, o pastor escreveu: ‘’Deus odeia o orgulho. A origem do pecado está no orgulho e Deus abomina isso!’’, disse ele. “A tendência de quem peca é se esconder e não ‘sair do armário’, porque pecado gera falta de paz e medo das consequências”, alega Valadão.

Segundo o pastor, o culto faz parte de uma espécie de “campanha” sobre o tema e que haverá cerimônias sobre o assunto ao longo de todo o mês. “Todos os domingos de junho (mês do chamado orgulho) iremos para a BÍBLIA para meditarmos sobre a verdade nas escrituras em relação à cultura LGBTQIA+ influenciando a vida do crente em Jesus. No mês que estão fazendo o possível e o impossível para normalizar o que para o cristão genuíno é pecado, vamos meditar na Bíblia que é o firme fundamento para seguir a Jesus e ser SALVO“, escreveu em outra publicação.

Após o culto, no perfil de Valadão foi postado um vídeo com momentos da pregação. Nele, o pastor afirma que “Deus não tolera” o orgulho. “Uma das palavras mais difíceis para Deus é orgulho. Deus odeia, Ele repugna qualquer atitude de orgulho. Só o uso da palavra orgulho Deus já condena. Qualquer movimento ou ação na nossa vida que carrega o termo orgulho, Deus abomina. Porque Deus não está com quem se orgulha, mas com quem se humilha. O mês do orgulho eu considero ser o mês que Deus mais repugna na humanidade porque só a expressão orgulho é a expressão que mais provoca e irrita Deus. E Deus condena. Deus não está com os orgulhosos, mas sim com os humildes“, argumenta o religioso.

No post, internautas reagiram negativamente ao discurso do religioso. “Queria saber porque as pessoas ficam preocupadas com a vida amorosa dos outros“, escreveu uma internauta. “O contrário: Deus ama o orgulho! Deus odeia a falta de empatia e o preconceito!“, falou outro.

Confira o vídeo

VEJA + NO PHEENO TV

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Felipe Sousa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Você vai curtir!