Roteirista homenageia filho e faz personagem sair do armário em “Os Simpsons”

Após 27 temporadas, assistente do Sr. Burns revela amor platônico. A jornal, roteirista diz que se inspirou na história do filho homossexual.

aberturas-especiais-de-os-simpsons-scrotos-desenho-family-guy-transformers-cena-do-sofa-guilherme-del-toro-breaking-bad

Em seu mais recente episódio, exibido no domingo (03/04), nos Estados Unidos, “Os Simpsons” tirou mais um personagem gay do armário: Waylon Smithers, declarando todo o amor que sente pelo seu próprio chefe, Sr. Burns. O empresário, no entanto, não corresponde a Waylon Smithers que acaba ficando um tanto quanto desiludido.

Para consolar Waylon, Homer então decide ajudá-lo a conseguir um namorado através de um aplicativo de celular! A ideia dá certo e no final do episódio Waylon acaba se apaixonando por Julio e os dois começam uma relação. Intitulado “The Burns Cage” (A Gaiola de Burns), o episódio foi assinado pelo Rob LaZebnik, que o escreveu em homenagem ao filho de 21 anos, que se declarou gay na época do ginásio.

“Eu sou um cara de Midwestern, então eu não guardo minhas emoções dentro da manga, então pensei: “Qual seria a melhor maneira de dizer para meu filho que o amo senão escrever sobre isso no desenho?”, disse Rob em entrevista ao “New York Post”. Quer forma de homenagem melhor que essa?! Arrasou! Outro personagem da animação já assumiu antes ser gay: Patty Bouvier, a irmã de Marge, durante um episódio de 2005.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!