Professor de português aborda gênero e sexualidade em sala de aula montado como drag queen

professor-drag-queen-pheeno-capa

Visando abordar a intolerância e o ódio que a comunidade LGBT sofre por conta da sua orientação sexual e de gênero, Jonathan Chasko, professor de português do cursinho pré-vestibular oferecido pela Unioeste, em Cascavel, no Paraná, resolveu dar aula montado como Sofia Ariel, sua drag queen!

Em entrevista ao blog LAISLAINY, Jonathan contou que sempre procurou abordar assuntos polêmicos em sala de aula. “Eu entendo a sala de aula como um espaço de formação social, não somente de conteúdos maçantes desprendidos da realidade, tento sempre, ao máximo, abordar temas polêmicos e da sociedade para discutir com os alunos visões de mundo que os outros espaços de formação, como a igreja, o lar, entre outros nem sempre dão conta”, disse.

Preocupado com a reação dos alunos, o professor revela que as impressões foram as melhores! “Eles puderam compreender que não há apenas a heterossexualidade e a homossexualidade, que existem muitas outras sexualidades e que nascer com um ou outro corpo não significa, necessariamente, que as pessoas vão se identificar com as práticas que são consideradas masculinas e femininas”.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!