Pesquisa mostra que 52% dos norte-americanos não aprovam um 007 gay

Ator Daniel Craig

Pensando nas diversas possibilidades de substituição de Daniel Craig como o agente James Bons, de 007, a Morning Consult realizou um estudo analisando as reações dos americanos às diferentes sugestões de atores para a próxima encarnação do espião. Os resultados mostraram que os cidadãos estadunidenses aprovam qualquer ator para o papel, com exceção, que seja gay, latino, asiático ou uma mulher.

Apenas 28% apoiaram a ideia de um James Bond gay, contra 52% de desaprovação. O mesmo resultado aparece nos que se declararam favoráveis ao agente negro, contra 29% de oposição. Um possível James Bond hispânico conseguiu o apoio de 39% das pessoas. Depois, as possibilidades de um 007 asiático ou mulher empataram com 37% de apoio. No entanto, a rejeição a uma mulher foi maior, com 48%.

O próximo filme da franquia “Bond 25” estreia no dia 14 de fevereiro de 2020, no Reino Unido. Ainda não há previsão de data de lançamento no Brasil.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!