“É uma honra, mas eu não me vejo como um ícone”, diz Nick Jonas durante entrevista

COS110114_154_155

Apesar de interpretar dois homossexuais em duas séries diferentes e ter muitos fãs gays, Nick Jonas revelou à publicação Daily Star nesta segunda-feira (09/12), que não se considera um “ícone gay”. Para ele, ter grande parte da fanbase composta por gays não o faz ser um ícone.

“É uma honra, mas eu não em vejo como um ícone”, disse o cantor de apenas 23 anos. “Deve existir milhares de outros artistas héteros que não tem problema em ter fãs gays. Eu realmente amo fazer papéis onde meus personagens são gays, e eu vou continuar a faze-los. Eu acho que isso é um grande desafio e conta muito como amadurecimento”, finalizou.

Na mesma entrevista, o tema “turnê com a Demi Lovato” foi abordado e Nick parece bem ansioso com o que vem por aí! “Eu estou muito feliz em dividir o palco com a Demi. Nós somos amigos desde sempre”, comentou.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!