Radialista é afastado após chamar jornalista do JN de “queima rosca”

A diretoria da Rádio BandNews Goiânia afastou o narrador Luiz Gama, que fazia parte de seu quadro esportivo, após o jornalista proferir comentários homofóbicos contra Matheus Ribeiro, o jornalista que apresentou o Jornal Nacional. A decisão foi anunciada nesta segunda-feira (18/11).

“Puts! onde o Brasil vai parar? Queimar a rosca agora é moda. Um apresentador de telejornal de qualidade média virou a bola da vez no jornalismo nacional só porque revelou que sua rosquinha está à disposição. A qualidade profissional que se f…”, escreveu Gama no Twitter.

Representantes da rádio emitiram o pronunciamento do afastamento de Gama. “A diretoria da Rádio BandNews Goiânia afastou o narrador Luiz Gama, que fazia parte de seu quadro esportivo, após comentários que foram interpretados como de cunho racistas e homofóbicos. A decisão foi comunicada ao vivo pelo âncora Marcos Villas Boas, na manhã dessa segunda-feira. Ao defender os princípios de defesa contra ataques relacionado à cor da pele ou orientação sexual, Villas Boas disse que a emissora não manteria em seus quadros ‘quem não dança de acordo’ com essas convicções”, disse eles.

Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, a advogada de Matheus Ribeiro, Maria Thereza Alencastro, que representa o apresentador, afirmou que serão tomadas medidas nas áreas cível e criminal. Além disso, será pedida indenização por danos morais e crime de racismo — no qual a homofobia foi incluída pelo Superior Tribunal Federal (STF). ​

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!