Moradores protestam e impedem instalação de estátua de Carlinhos Maia em cidade alagoana

Uma estátua em homenagem a Carlinhos Maia foi prontamente rejeitada pela população de Penedo, cidade no interior do estado de Alagoas, onde o humorista e influenciador digital nasceu, há 29 anos. Os moradores se uniram na última terça-feira (20/10), e protestaram contra a instalação do objeto.

A estátua seria instalada na orla de uma comunidade conhecida como Barro Vermelho, e teve de ser colocada em um caminhão e conduzida de volta. A iniciativa de homenagear Carlinhos teria partido da prefeitura de Penedo. Em um áudio divulgado nas redes sociais, o influenciador lamentou o ocorrido. “Vi vídeos e comentários de alguns moradores do Bairro Vermelho, que não gostaram da minha estátua ser colocada na Nova Orla. Muitos alegaram que deveria ter uma estátua do Toinho Pescador. Concordo em gênero, número e grau. Afinal, a história dele é incrível e eu conheço desde criança“, diz.

Com todo respeito que eu tenho a vocês, aprendam a não valorizar uma história, desvalorizando a outra. Quando me perguntaram onde eu gostaria de ver a minha estátua, poderia ser na vila, claro. Afinal, é lá que faço minhas histórias. Pensei em colocar na Nova Orla justamente para atrair o tanto de turistas que visitam a vila, e vai aumentar cada vez mais, para irem para Nova Orla (também). Para que a nova orla seja um atrativo, além da vila. E não é pensando em política, porque não sou político. Não preciso e não quero o voto de vocês para nada“, afirmou Carlinhos.

Me entristece os comentários que os penedenses dizem de alguém que veio do mesmo lugar que eles. Ah, mas um viado não representa a nossa cidade. Para que colocar a estátua de um viado? Acho que isso não tem nada a ver com o Carlinhos, mas com o preconceito e a maldade que existe dentro de vocês. E por não suportarem um viado e pobre que saiu do mesmo lugar (que vocês)“, finaliza.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!