Brasileiro será deportado da Austrália por vender no OnlyFans vídeo de sexo com o ex sem seu consentimento

O influencer Fabricio da Silva Claudino, também conhecido como Fabricio Monkey, será deportado da Austrália para o Brasil após compartilhar ilegalmente nas redes sociais vídeo em que fazia sexo com seu ex-namorado.

Na última quinta-feira (10/12), segundo informações do Daily Mail, um juiz do Tribunal Local Central de Sydney, na Austrália, condenou Fabricio a 11 meses de prisão. Ele será deportado depois de cumprir o restante de sua pena no Centro de Detenção Villawood. Sua sentença será retroativa a fevereiro, quando ele foi detido sob custódia. A Justiça australiana também o condenou também por porte de esteróides e indecência em público por repetidos atos de masturbação enquanto estava sob fiança.

Não estou nem um pouco arrependido. Tudo acontece por uma razão. Mas tive uma experiência muito traumática aqui na Austrália. Estou muito feliz por voltar para casa e feliz que isso tenha acabado“, afirmou o brasileiro ao jornal The Daily Telegragh. Em sua defesa, o advogado de Fabricio, Alexander Maroulis, afirmou que seu cliente foi levado a cometer tais atos devido à vida difícil que levava no país. “Ele quase foi forçado a fazer o que fez para sobreviver“, declarou Maroulis.

O ex-namorado, que não teve a identidade revelada, afirma que a situação o traumatizou. Ao tribunal de justiça de Sydney ele disse que quando se conheceram no Rio de Janeiro, acreditava que o carioca era o “homem de seus sonhos”. “Minha dignidade foi vendida por U$12,99. Isso foi exploração sexual… isso foi violência doméstica”, lamentou o rapaz. Segundo ele, a exposição o deixou “com medo do mundo lá fora”. “Minhas tatuagens que eu costumava mostrar com orgulho, agora parecem marcas. Eu me senti culpado, me senti sujo… Perdi minha dignidade para sempre“, lamentou o ex-namorado.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!