Ian McKellen pede que comunidade gay defenda as pessoas trans: “Deveríamos ser realmente aliados”

Um dos veteranos de Hollywood , o ator Ian McKellen, falou sobre a importância de ser um aliado da comunidade trans durante uma palestra especial sobre o Mês da História LGBTQ+ no TikTok, na íltima quinta (25/02). Em conversa com a estrela da série It’s a SinOlly Alexander, McKellen expressou sua decepção em como as pessoas trans são tratadas dentro do meio LGBTQ+, principalmente entre os gays.

“Eu ouço pessoas – gays – falarem sobre pessoas trans da mesma forma que as pessoas costumavam falar sobre o seu gay comum”, explicou o ator de 81 anos. “Eu gosto bastante de ser homossexual. Os problemas que as pessoas transgênero têm com a lei não são diferentes do que costumava ser para nós, então acho que deveríamos ser realmente aliados”, reforçou McKellen. O ator também aproveitou para discutir as diferenças entre a geração LGBTQ+ mais antiga e a nova geração. “Minha experiência foi tão diferente da sua no que diz respeito a sexo e ser gay. Eu invejo sua geração”, disse ele para o vocalista da banda Years & Years.

Desde que saiu do armário em 1988, Ian McKellen foi cofundador da instituição de caridade Stonewall e fez diversas campanhas pelo avanço dos direitos LGBTQ+ em muitos países. Ele criticou as leis anti-homossexuais da Índia, incentivou atores enrustidos a se manifestarem e liderou protestos contra o horrível expurgo gay na Chechênia. Um verdadeiro reizinho!

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!