Poluição está diminuindo o tamanho do pênis e afetando o apetite sexual, defende especialista

A poluição pode estar afetando o tamanho do pênis, defende Shanna H. Swan, uma epidemiologista ambiental e especializada na reprodução. De acordo com a especialista, citada pelo The New York Post, a poluição não só está diminuindo o tamado do órgão sexual masculino como também está diminuindo o número de espermatozóides, afetando a fertilidade e o apetite sexual.

Produtos químicos em nosso meio ambiente e práticas de estilo de vida pouco saudáveis ​​em nosso mundo moderno estão perturbando nosso equilíbrio hormonal, causando vários graus de destruição reprodutiva“, afirma Shanna no seu novo livro, chamado Count Down (Contagem regressiva, na tradução), que aborda como o mundo moderno está ameaçando o futuro da raça humana. A epidemiologista afirma que um homem moderno pode ter metade dos espermatozoides em comparação com seu avô, por exemplo, além da redução do pênis.

O estado atual dos assuntos reprodutivos não pode continuar por muito mais tempo sem ameaçar a sobrevivência humana. Dos cinco critérios possíveis para o que torna uma espécie ameaçada, apenas um precisa ser atendido; o estado atual das coisas para os humanos atende a pelo menos três“, acrescenta. De acordo com a especialista, essa crise existencial global leva diretamente não só ao encolhimento do tamanho do pênis, como também do volume dos testículos.

Shanna H. Swan é uma das líderes mundiais em epidemiologistas ambientais e reprodutivas. Ela é professora de Medicina Ambiental e Saúde Pública na da Icahn Escola de Medicina Monte Sinai, na cidade de Nova York, onde também é membra do Centro Transdisciplinar de Exposições Ambientais Precoces e do Instituto de Saúde e Desenvolvimento Infantil Mindich.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!