“Por ser homossexual e negro, tive que me dedicar mais”, diz jogador da Seleção Brasileira de vôlei

Maique Reis, de 24 anos, jogador de vôlei do Minas Tênis Clube e também da Seleção Brasileira, é um exemplo na luta contra o racismo e a homofobia. Em conversa com o UOL Sporte, o atleta falou sobre carreira e contou que por ser homossexual e negro, teve que se dedicar mais para ser respeitado e conquistar o seu espaço.

Eu defendo minhas maiores causas que são o combate à homofobia e ao racismo. O mundo é diverso e todo e qualquer tipo de ser humano merece respeito. Você tem que dar o respeito para receber o respeito, então eu busco sempre lutar contra todo tipo de preconceito“, diz o atleta. Segundo Maique, eleito um dos destaques da Seleção no último Campeonato Sul-Americano, realizado em setembro, os ataques homofóbicos já aconteceram dentro e fora das quadras. “Já sofri ataques, estamos sujeito a isso em todo lugar e todo momento. Em quadra eu sempre me destaquei muito jogando vôlei, então já vi pais de atletas de outros times me chamando de viadinho. Cresci ouvindo isso, que me moldou e me fortaleceu. A gente vive em um mundo em que sabemos que isso acontece“, conta.

Maique agora quer é mostrar a sua história e servir de exemplo pra outras pessoas. “No vôlei, não só eu, mas tantos outros homossexuais. Não é só estar aqui, não é só jogar, a gente carrega um peso muito maior, uma representatividade enorme. Eu sou homossexual, sou preto, pobre, isso tudo vem comigo, e eu gosto de trazer isso. Não para minimizar ou me fazer de coitado, mas para mostrar minha história, mostrar que eu consegui e fui capaz, isso é importante”, ressalta. “Por ser homossexual e negro, tive que me dedicar mais, mostrar mais trabalho para que eu pudesse ser respeitado, para que eu conquistasse o meu espaço“.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!