“Eu não teria sobrevivido sem essa comunidade”, diz Katy Perry sobre fãs LGBTs

Katy Perry relembrou o quão importante foi receber o apoio da comunidade LGBTQIA+ em sua carreira. Em recente entrevista à revista Out para promover a sua primeira residência em Las Vegas, ‘Play’, que tem início no fim de dezembro deste ano, a intérprete de “I Kissed a Girl” falou sobre a sua criação religiosa e sobre sua importância na descoberta da sexualidade dos fãs.

Eu vim de uma criação muito protegida, onde não era bom ser amiga de alguém daquela comunidade. E agora essa é a minha comunidade”, disse Katy. “Esse é o meu programa. Esse é o meu povo. É minha vida cotidiana. Está na minha casa, está no meu trabalho. Eu não teria sobrevivido sem essaa comunidade e não poderia, honestamente. É incrível como o círculo se completou e quanto crescimento aconteceu desde que comecei“, refletiu a cantora norte-americana.

Prestes a estrear com sua nova residência em Las Vegas, Katy garantiu que o espetáculo foi feito pensando nos fãs LGBTs. “Especialmente para eles”, disse a cantora. “Vai ser um banquete para os ouvidos e os olhos e eu dei a maior risada da vida quando entrei para ver o cenário de ensaio com toda a minha vida. Meus cocriadores, colaboradores e os dançarinos e a banda, todo mundo ficaram como: ‘Esta é a ideia mais excêntrica‘“, adiantou ela.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!