Feminicídio: travesti é morta e esquartejada por ex-namorado em Goiás

Um homem foi preso acusado de matar, esquartejar e enterrar o corpo da travesti Bianca Machado Rodrigues, em Aparecida de Goiânia, região metropolitana da capital. De acordo com a Polícia Civil, a equipe de investigação encontrou parte do corpo escondida debaixo de um sofá na casa dele, e o restante, numa mata fechada.

A polícia descobriu que o suspeito era ex-namorado de Bianca. O rapaz, que não teve a identidade revelada, foi preso na quarta-feira (25/05) e confessou o crime, além de mostrar onde as partes do corpo estavam escondidas. No entanto, a motivação ainda não foi divulgada pelos investigadores. Bianca estava desaparecida desde domingo (22/5), e o suspeito disse, na delegacia, que levou partes do corpo dela, em uma mala, para a mata fechada. A vítima, de acordo com a polícia, foi morta por asfixia e depois esquartejada pelo ex-namorado ainda na casa dele, no Setor Jardim das Esmeraldas, em Aparecida de Goiânia.

Bianca nem chegou a sair da casa do suspeito, ao contrário do que ele havia alegado inicialmente à família. O autor havia dito que ela teria saído na manhã de segunda-feira (23/05), em carro de aplicativo, a caminho do trabalho. Desde então, Bianca não foi mais vista e não fez contato com amigos e familiares. Após o fim da investigação, o suspeito pode responder criminalmente por feminicídio e ocultação de cadáver, de acordo com a Polícia Civil.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!