Som Livre apresenta regravações de Cazuza nas vozes de Silva, Luiza Martins e Thiago Pantaleão

No ano em que Cazuza completaria 65 anos de idade e a canção “Pro Dia Nascer Feliz” – o primeiro grande hit de sua trajetória, ainda com o Barão Vermelho –, celebra seu 40º aniversário, a Som Livre homenageia o legado do artista carioca com um projeto especial. 

Através da campanha (Re)Descubra, “Cazuza: O Poeta Vive” chega nas plataformas de áudio nesta sexta (18/08) com quatro gravações inéditas de sua obra, nas vozes de expoentes da nova geração: Silva (“Preciso Dizer que Te Amo”), Thiago Pantaleão e Marô (“Pro Dia Nascer Feliz”), Luiza Martins (“Codinome Beija-Flor”) e Reddy Allor (“O Tempo Não Para”). Nomes como Lucas Romero e Felipe Vassão fazem parte da produção musical.

O projeto evidencia a atemporalidade das letras de Cazuza – um dos maiores ícones pop do país – e como o cantor continua influenciando as novas gerações. Além das novas versões, a coletânea traz outras 20 canções do início da carreira do cantor, cujos dois primeiros álbuns – homônimos – do Barão Vermelho, de 1982 e 1983, e o disco de estreia como artista solo, “Exagerado” (1985), foram lançados pela Som Livre.

“Qualquer projeto sobre a obra do meu filho, a mim me encanta, porque até hoje todos foram bem sucedidos e a eternidade tem a ver com isso. Ele já morreu há 33 anos, mais tempo do que ele viveu, e até hoje é falado e regravado. Desejo muito sucesso para os artistas envolvidos neste projeto, o Cazuza dá sorte para todo mundo que o regrava”, conta Lucinha Araújo, mãe do artista carioca.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Felipe Sousa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Você vai curtir!