SP: Sauna gay emite nota de pesar após morte de cliente nas dependências do local

Complexo que une sauna e hotel em São Paulo – o maior dedicado ao público gay no Brasil – o Hotel Chilli usou as redes sociais, nesta quarta-feira (20/09), para esclarecer e lamentar a morte do servidor público Luiz Carlos Pereira de Lima, de 34 anos, encontrado sem vida nas dependências do hotel na madrugada da última segunda-feira (18/09).

Lamentamos a morte de um hóspede nas dependências do nosso hotel na madrugada de domingo para segunda-feira. Ele foi encontrado caído dentro da banheira em uma das nossas suites e, pelas imagens de segurança, parecia estar sozinho na hora do acidente“, inicia o comunicado. “Em respeito à família e sempre prezando pelo sigilo achamos desnecessário divulgar o nome dele. Não tivemos acesso ao laudo dos peritos e portanto não temos maiores informações”, explica o hotel.

Por fim, o Chilli reforça seguir todas as normas de segurança vigentes e que, em quase 12 anos de existência, esse é o terceiro óbito em suas dependências. “Em quase 12 anos no Largo do Arouche, esse é o terceiro óbito em nossos recintos. Reiteramos que estamos dentro de todas as normas de segurança vigentes. Possuímos o AVCB do Corpo de Bombeiros atualizado e todos os equipamentos estão em pleno funcionamento. Aos amigos e familiares nosso sincero respeito“, finaliza a nota.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe Sousa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Você vai curtir!