EUA: Um segundo funcionário gay do Congresso gravou uma cena de sexo no edifício do Capitólio 

Um funcionário do Senado dos Estado Unidos ganhou as manchetes no início desta semana depois que um vídeo vazado o mostrou praticando atos sexuais com outro homem dentro de uma das salas da câmara do Congresso. Acontece que ele não foi o primeiro.

Nesta quarta-feira (20/12), surgiram notícias sobre uma segunda investigação envolvendo um funcionário do Congresso, que supostamente se filmou realizando atos sexuais com outro homem dentro do Capitólio dos Estados Unidos no verão de 2022. Os vídeos circularam pela primeira vez no Snapchat de um usuário com o nome de tela “Adam J“, de acordo com o portal Semafor, que primeiro relatou a história. Em um dos vídeos, um homem se masturba dentro de um prédio de escritórios da Câmara, que o veículo identificou através dos móveis e de um mouse pad com a marca do Congresso. No segundo vídeo, dois homens — cujos rostos não eram visíveis — aparecem transando dentro de outro escritório.

O funcionário não foi identificado, mas foi identificado pela Semafor como um ex-funcionário sênior da Câmara do deputado republicano dos EUA, Dan Newhouse, de Washington. Um porta-voz disse ao meio de comunicação que eles iniciaram uma investigação sobre “suposto comportamento impróprio” no ano passado, mas que não encontrou “nenhuma evidência conclusiva”.

“Assim que o gabinete foi alertado, relatamos imediatamente as entidades competentes da Câmara para conduzir uma investigação independente”, disse o porta-voz. “O escritório não fornecerá mais comentários sobre questões de pessoal“. O funcionário em questão negou ter participado dos vídeos, afirmando que foi informado de uma investigação, mas que Newhouse lhe disse pessoalmente que não encontraram “nenhuma evidência da alegação”. Ele disse que embora tenha deixado o cargo no outono de 2022, estava em “boas condições” e não tinha relação com a investigação.

O funcionário do primeiro vídeo vazado no início desta semana foi demitido, e a Polícia do Capitólio confirmou ao portal LGBTQIA+ The Advocate que estava conduzindo uma investigação sobre o assunto.

VEJA + NO PHEENO TV

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Felipe Sousa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Você vai curtir!