Facebook se desculpa com drag queens e promete rever política do “nome real”

A polêmica envolvendo drag queens e o Facebook parece estar perto do fim! Depois da direção da rede social ter dado prazo de duas semanas para que todas se adequem à sua controversa política do “nome real”, o chefe de produtos da empresa, Chris Cox, veio a público se desculpar com a comunidade transgênero e prometeu rever a regra da melhor maneira possível.

“Quero pedir desculpas à comunidade de drag queens, drag kings e transgêneros afetados e à extensa comunidade de nossos amigos, vizinhos e membros da comunidade LGBT pelas dificuldades de lidar com suas contas no Facebook nas últimas semanas”, declarou ele. “Nós tivemos a chance de ouvi-los e entender mais claramente a política do ponto de vista de vocês. Também vimos como doloroso isso tem sido. Nós devemos a vocês um melhor serviço e uma melhor experiência de uso, e nós vamos consertar a forma como esta política é aplicada para que todos os afetados possam voltar a usar o Facebook como antes”, completou.

Sister Roma, drag queen mais engajada nessa questão, comemorou em sua página na rede social. “Esse foi um passo gigante na direção certa, todos nós temos muito o que comemorar”. Nós do Pheeno acompanhamos essa luta e também estamos contentes com a decisão. Agora é esperar!

Confira o comunicado oficial de Chris Cox, gerente de produtos do Facebook…

Apaixonado por Comunicação, Marcelo Haubrich é editor do Pheeno e também responsável pelo marketing e redes sociais do site! Além disso, o carioca de 25 anos acumula diversas funções na noite brasileira: designer, produtor, DJ, entre outras.