Taxista arrasta passageiro após oferecer sexo oral

Uma corrida de táxi quase terminou em tragédia na madrugada desta segunda-feira (22/05) em Belo Horizonte. Um jovem de 25 anos procurou a Polícia Militar (PM) para denunciar um taxista que o arrastou por 200 metros após oferecer sexo oral ao passageiro.

Segundo informações do site BHAZ, o jovem teria entrado no táxi junto com o pai dele após sair de uma casa de eventos na região da Pampulha. A vítima explicou que o pai desembarcou em outro endereço e a vítima seguiu viagem sozinho. Ao descer, no bairro Candelária, o jovem pagou a conta e perguntou ao taxista se estava tudo certo.

Foi então que o motorista perguntou: “Só falta uma chupadinha” e acelerou o carro. O passageiro afirma ter ficado preso ao veículo e ter sido arrastado pelas ruas do bairro. Ele sofreu ferimentos no pé e no joelho esquerdo, no pé direito e se queixava de dores na costela. O caso foi registrado como lesão corporal e deve ser investigado pela Polícia Civil. Câmeras da casa de shows podem ajudar na identificação do motorista.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!