“Não tenho nada a esconder”, diz apresentador gay do Jornal Nacional

Prestes a estrear no Jornal Nacional no próximo dia 9 de novembro, Matheus Ribeiro, que apresenta o Jornal Anhanguera 2ª Edição, da TV Anhanguera, afiliada da TV Globo em Goiás, concedeu uma entrevista à revista Veja e falou sobre sua homossexualidade e o namoro com o policial Yuri Piazzarollo.

“Sim, estamos juntos há oito meses. Nós nos conhecemos no Carnaval de Salvador deste ano. Yuri (Piazzarollo) é capitão da PM em Rondônia. Sempre recebi mensagens de seguidores falando sobre isso e tinha uma resposta pronta: minha vida particular não deveria ser um atrativo. Tenho o direito de me resguardar em algumas situações. Meu lado pessoal é pessoal, e ponto. O lado profissional é outra coisa”, explicou Matheus, que será o primeiro jornalista gay assumido a comandar o JN.

Matheus contou que tinha medo de que a revelação o prejudicasse, mas o que aconteceu foi o contrário. “Lá atrás, tinha receio de que, quando essa característica viesse a público, eu me prejudicasse. Felizmente, para minha grata surpresa, isso não ocorreu. A TV Anhanguera, onde trabalho, e a Globo têm uma mentalidade aberta para valorizar as competências, a despeito de qualquer outra característica. A maior contribuição que posso trazer é mostrar meu trabalho sem me prender a essa questão pessoal. Para combater a homofobia, não preciso ser hétero nem gay: preciso ser apenas humano”, disse ele.

O jornalista revelou que a decisão de assumir o namoro publicamente foi tomada em conjunto pelo casal, e infelizmente houve algumas situações desrespeitosas. “É natural as pessoas terem curiosidade, mas houve situações que eu e Yuri achamos desrespeitosas. Alguns comentários envolvendo religião, Deus, dizendo que não éramos corretos. Sou um cara que tem uma fé muito viva. É preciso respeitar a liberdade religiosa. Estou muito bem com Deus. Ao postarmos aquela foto, nós tiramos o poder de qualquer pessoa de dizer maldades. Não tenho nada a esconder de ninguém. Isso me aliviou”, comentou.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!