Homem decepa o pênis de amigo e esconde membro em panela após recusar sexo no litoral de São Paulo

Um homem de 48 anos foi preso por decepar o genital de um amigo, matá-lo e arrastar o corpo até uma praia em Itanhaém, no litoral de São Paulo. A prisão ocorreu em São Vicente e foi confirmada pela Polícia Civil na tarde desta quinta-feira (09/09). Criminoso relatou que a vítima tentou ter relações sexuais com ele, mas ele recusou e o matou.

O crime ocorreu no último 28 de agosto e o suspeito era considerado foragido até a prisão. De acordo com o inquérito policial, o corpo da vítima foi encontrado na areia da praia no bairro Gaivota, com sinais de violência e uma faca cravada entre o tórax e o pescoço dele. O assassinato aconteceu em uma pousada próximo à região. No quarto onde o suspeito se hospedou, foram encontrados manchas de sangue e o órgão genital da vítima dentro de uma panela. 

Ele contou à polícia que teve uma desavença com a vítima no quarto da pousada. Os dois faziam uso de cocaína e a vítima teria tentado ter relações sexuais com ele. Após recusar, ele disse que golpeou e matou o homem. Ainda de acordo com a Polícia Civil, o suspeito ainda tentou limpar o local do crime, mas não conseguiu e arrastou o corpo da vitima até a praia. Em seguida, ele fugiu.

O homem tem antecedentes criminais por furto, roubo, receptação, ameaça e lesão corporal, de acordo com a Polícia Civil. Ele foi encaminhado à Cadeia Pública de Peruíbe, nas proximidades de São Vicente, ainda no litoral de São Paulo.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!